A farda verde oliva, usada desde 1931, é uma característica marcante do Exército Brasileiro. Vestir essa farda tão significativa é o sonho de milhares de jovens. Por isso, o Estratégia Militares preparou um artigo que te conta tudo sobre as principais características e curiosidades das fardas usadas no Exército Brasileiro!

Qual o significado do uniforme militar?

O uniforme militar tem a função de diferenciar os militares entre si. O uniforme pode apontar o posto ou graduação do militar, sua especialização, cursos operacionais já realizados e até premiações. Também há fardas específicas para cada tipo de ocasião. 

Em situações operacionais, a farda tem a função de camuflar e proteger o militar. Deixar os militares menos visíveis e expostos é uma preocupação que ganhou muita força na 2ª Guerra Mundial. Antes disso, as fardas eram muito mais preocupadas com a estética.

Além dos aspectos visuais, a farda do Exército Brasileiro traz consigo um significado muito especial para quem a veste. Para muitos, essa farda simboliza longos anos de estudo, o amor à pátria ou um sonho de criança. 

“...a farda não é uma veste que 
se despe com facilidade
e até com indiferença
mas uma outra pele,
que se adere à própria alma
irreversivelmente para sempre.” 

General Octávio Costa

Quais são os tipos de Farda do Exército Brasileiro?

Há diversos tipos de farda no Exército Brasileiro. Podem ser uniformes de gala, rigor, de passeio, operacional, de serviços gerais e para o treinamento físico militar. Além desses, existem os uniformes históricos, que são usados por algumas tropas especiais ou em formaturas. A composição que será usada na farda é definida por uma classificação que pode conter até quatro caracteres. 

O primeiro caractere é um número ordinal que varia entre 1° e 15°. Quanto menor esse número, mais formal o uniforme. O segundo caractere é uma letra que define a cobertura que será usada na farda. O terceiro caractere corresponde ao calçado. O quarto caractere é representado pela letra “S” e é exclusivo para fardas femininas, pois diz respeito a possível utilização de saia no uniforme.

Características da Farda do Exército Brasileiro

A farda operacional do Exército Brasileiro possui características únicas e se diferencia das fardas de todos os exércitos do mundo, pois foi desenvolvida exclusivamente para atuação no Brasil. A escolha do tecido, das cores, dos componentes da farda foi feita levando em conta o relevo, o clima e a vegetação brasileiros.

Há alguns uniformes que são utilizados apenas por tropas especiais, devido a algumas situações específicas encontradas na atuação dessas tropas. O principal exemplo de um uniforme único e exclusivo dentro do Exército Brasileiro é a farda dos militares que atuam na caatinga. Esse uniforme é da cor cáqui e possui couro em diversas partes, até nas luvas. Também conta com um gorro beija santo e coturno cáqui mais resistente  que absorve menos calor.

Além da farda da caatinga, o uniforme da tropa de guerra na selva, que atua na floresta Amazônica, conta com algumas peças exclusivas. Uma delas é a cobertura – nome dado a peças que serão usadas na cabeça – usada por esses militares: o chapéu bandeirante. Esse item oferece proteção contra espinhos e ajuda em uma melhor visibilidade na mata.

A farda do Exército Brasileiro possui diversas informações a respeito do militar que a está usando. Elas são mostradas pelos distintivos e insígnias, que podem ser metalizadas, plastificadas ou bordadas, a depender do uniforme.  

Farda do Exército Brasileiro

No uniforme camuflado, que é o mais comum, o distintivo é de plástico e indica qual é a área ou especialidade do militar. O distintivo fica localizado no lado direito da gola do uniforme. Por ele podemos saber se um militar é de infantaria, cavalaria, material bélico ou qualquer outra especialidade.

Além desse distintivo, há aquele que indica os cursos ou estágios realizados pelo militar. Nesse caso, o distintivo tem um formato semicircular e fica localizado próximo à altura dos ombros. Com este distintivo podemos saber se o militar fez o curso de guerra na selva, guia de montanha ou qualquer outro curso. 

Farda do Exército Brasileiro: hierarquia

A hierarquia na farda do Exército Brasileiro é representada no uniforme. As patentes desses militares são informadas nas insígnias que podem ser colocadas em diferentes lugares no uniforme, de acordo com o tipo de farda. O material com que são feitas também varia.

As insígnias podem ser bordadas, metálicas e plastificadas. Podem estar na gola, no terço superior das mangas ou nos ombros. Todas essas variações vão depender da composição do uniforme usado.   

Regras de uso da Farda do Exército

O uso das fardas do Exército Brasileiro com todos os seus acessórios e regras de utilização, encontram-se no Regulamento de Uniformes do Exército (RUE).

Vale ressaltar que o uso indevido do fardamento militar é considerado crime militar. Tal crime está descrito nos artigos 171 e 172 do Código Penal Militar. 

E aí, guerreiro? Gostou de conhecer um pouco mais sobre as fardas do Exército Brasileiro? Se é seu sonho vestir essa farda um dia, o Estratégia Militares está ao seu lado para te ajudar na preparação para os concursos militares do Brasil! Para conhecer nossos cursos e todas as vantagens que oferecemos, basta clicar no banner abaixo.

Você pode gostar também